Árbitro de vídeo vai custar R$ 20 mi/ano e CBF promete custear tudo.

A CBF ainda não sabe a data de implementação do recurso, mas valores são um pouco superiores ao projetado inicial.

Por Diego Tolentino

O recurso que promete melhorias no futebol brasileiro não tem data exata para começar a ser utilizado, mas o custo para a utilização do recurso em jogos no Brasil é  de R$ 20 milhões por temporada. 

Mesmo assim, a CBF promete bancar todos os gastos necessários para colocar esse recurso nos campos de jogos do Brasil.

O montante  não terá  qualquer gasto extra aos cofres dos clubes que estiverem em campo, que só gastarão pelo juiz extra que ficará na cabine de TV. Inicialmente os clubes gostaram da proposta feita pelo órgão futebolístico.

O árbitro de vídeo promete melhorias ao futebol brasileiro

Deixe sua resposta