Criatividade e gestão like a boss

Quase 20 mil pessoas se reuniram para trocar experiências sobre novos negócios, inovação e fortalecimento do ecossistema digital. Na edição deste ano, mais 12 cidades participaram do evento

Por Iara Nóbrega

Milhares de jovens empreendedores reunidos em único evento. Assim foi realizado o Sebrae Startup Day, evento pelo Serviço de Apoio de Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e cocriado com o ecossistema para acontecer simultaneamente em 60 cidades do Brasil. No dia 20 de maio, aproximadamente 20 mil pessoas se reuniram presencialmente e online no encontro que aconteceu na sede nacional, em Brasília.

Este ano, os organizadores do evento se surpreenderam, pois conseguiram reunir o dobro de pessoas do que no ano passado e 12 cidades a mais, o que mostra o crescimento do interesse das pessoas em relação a essa iniciativa de intercâmbio de conhecimentos em pequenos negócios. Além do evento ter estimulado a troca de experiências sobre novos negócios, a inovação e o fortalecimento do ecossistema de startups, a instituição promoveu a marca Sebrae Like a Boss, que realiza atendimentos aos participantes de acordo com sua realidade local. Esta iniciativa deixou os startapeiros impactados. Foram mais de 360 horas de conteúdo e cerca de 400 convidados que se prontificaram a trocar suas experiências com os demais presentes.

Com o mesmo padrão de um ciclo de eventos, o Sebrae Startup Day teve palestras, rodas de conversas, painéis, materiais e ambientes para network. Uma troca de experiências que serve de termômetro para as empresas iniciantes no mercado de trabalho. É o caso de Diego Rhoger, do movimento CerradoValley, que tem seu trabalho totalmente voltado para startups.

Diego, que participou presencialmente do evento em Brasília, disse que se surpreendeu com o alto número de participantes online, mas gostou das atividades propostas. “Achei que teriam mais pessoas presencialmente, mas achei tudo muito bem organizado. As pessoas ficaram um pouco dispersas com as dinâmicas, mas foram muito bem elaboradas. Quem entendeu, gostou”, disse.

Lucas Marques, da empresa Instabuy, também participou do evento presencialmente e disse que o evento foi sensacional. “Trocamos bastante experiência e conhecemos pessoas incríveis. Melhoramos nosso conhecimento sobre em empreendedorismo e adquirimos bastante insights com o Marcelo Minutti.”, comentou Lucas.

Surgiu, então, a necessidade de promover e estimular estes tipos de empresas com soluções inteligentes, para atender às novas demandas de consumidores conectados e exigentes. Por causa do sucesso desta edição, está prevista uma segunda para o segundo semestre deste ano, a data ainda não foi divulgada.

Mas, afinal, o que é uma Startup?

Embora o termo já fosse conhecido nos Estados Unidos, ele passou a ser adotado pelos brasileiros entre 1996 e 2001, período em que muitas empresas de base tecnológica começaram a surgir. Startup é um grupo de pessoas que trabalha em uma ideia ou produto revolucionário, que traz soluções que podem beneficiar a vida das pessoas. Alguns investidores chamam qualquer pequena empresa, em seu período inicial, de Startup. Outros acreditam que é uma empresa inovadora com custos de manutenção muito baixos, mas que conseguem crescer rapidamente e gerar lucros cada vez maiores.

No portal do Sebrae é possível pesquisar várias informações sobre essa tendência e dicas de como tirar uma ideia do papel e transformá-la em uma. De acordo com Natalia Lorena Bertussi, da Unidade de Atendimento Setorial Comércio e Serviço (UASCS) do Sebrae, em 2017 a expectativa é atender cerca de 1,8 mil empresas desta natureza, contra 1,2 mil no decorrer de todo ano de 2016 e não é só com o evento que os pequenos negócios são impulsionados, existe também o SebraeLab que é um local que fica disponível para acesso a todos os interessados em empreendedorismo.

O SebraeLab é uma estrutura que conta com uma programação criada em conjunto com o ecossistema e seus frequentadores. É um ambiente para mentorias, consultorias, compartilhamento de ideias, simulação do dia-a-dia de uma empresa, networking, coworking e desenvolvimento de soluções. Existe um laboratório desses em Brasília e em Belo Horizonte. A sede em Brasília tem a capacidade para 150 pessoas, cada SebraeLab conta com um cronograma próprio, com diversos eventos e todos relacionados a inovação e o empreendedorismo. No local, se dá abertura para qualquer pessoa fazer algum tipo de propostas, desde que sejam relacionados a essas temáticas.

 

Deixe sua resposta