Faixas de pedestre em 3D são inovação para reduzir atropelamentos

China, Islândia , índia e Geórgia já adotaram a inovação em suas cidades.

Por: Diego Tolentino

A faixa de pedestres por muitas vezes não é respeitada por muitos motoristas. Pensando nisso, pinturas em três dimensões pelo mundo tentam tornar as faixas mais visíveis, com objetivo de reduzir atropelamentos.

Essas faixas inovadoras já foram vistas na China, Índia, Geórgia e agora na Islândia. A ideia é usar a ilusão de óptica  para fazer o motorista reduzir a velocidade e permitir  mais liberdade e segurança para os pedestres.

Um estudo da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) apontou que 22% das mortes no trânsito se referem a pedestres.

No entanto, ainda não existem garantias, dados ou estudos que comprovem a eficácia da faixa 3D, que pode perder a eficácia e deixar de ser novidade conforme os motoristas vão se acostumando com a ilusão.

A eficácia das faixas 3D tem data de validade, até deixarem de ser novidade.

Deixe sua resposta