NBB começa hoje sem um representante de Brasília

Torcedores aguardam gestores que queiram ressuscitar o esporte em Brasília.
Por: Diego Tolentino

Novo Basquete Brasil o NBB, principal competição do esporte no país, começa neste sábado (4/11) sem um de seus principais ganhadores: o UniCeub/Brasília. A equipe candanga se despediu do torneio de forma frsutante ao não apresentar garantias financeiras de que poderia disputá-lo na temporada 2017/2018. Acabou rebaixada para a segunda divisão, mas fãs e atletas não sabem se haverá time para voltar às quadras.

Com 15 times, o NBB terá como abertura o duelo entre o atual campeão, Bauru, e o vice, Paulistano, às 14h, com transmissão nas TVs aberta e fechada. Os torcedores brasilienses, porém, vão passar uma temporada assistindo aos jogos do sofá à espera de gestores que queiram retomar o esporte em Brasília.

Até 17 novembro, os interessados precisam inscrever novas equipes. Já em dezembro, duas datas definem a participação: no dia 1º, é apresentada a garantia de patrocínio e investidores, no valor de R$ 500 mil. Quem conseguir o crivo ainda precisará pagar, até 8 de dezembro, a taxa de inscrição: R$ 30 mil.

Pelo menos três grupos distintos trabalham para reerguer o basquete brasiliense. O Instituto Viver Esporte (IVE), dono da franquia do Brasília e liderado por Homero Neto; o Instituto Brasília Basquete (IBB), que tem à frente José Carlos Vidal, ex-técnico e diretor da equipe tricampeã do NBB; e o Cerrado Basquete, comandado por Dimitri Rodrigues.

 

TagsNBB

Deixe sua resposta