Prédios públicos de Brasília adotam iluminação azul em mês de prevenção ao câncer de próstata

Palácio do Buriti e do Planalto, Congresso e Itamaraty apoiam campanha Novembro Azul.

Por: Diego Tolentino

Prédios públicos de Brasília adotam luzes azuis, em prol à campanha de prevenção ao câncer de próstata, o segundo tipo mais comum em homens, segundo o Instutito Nacional de Câncer (Inca).

Depois do Outubro Rosa, em prol do câncer de mama, a Sociedade Brasileira de Urologia promove a campanha Novembro Azul, alertando a doenças que atingem principalmente os homens, como o câncer de próstata, uma glândula que só o homem possui e que se localiza na parte baixa do abdômen.

O câncer de próstata é mais comum na terceira idade. Segundo o Inca, três quartos dos casos no mundo ocorrem a partir dos 65 anos. No Brasil, a extimativa de incidência em 2016 foi de 61,2 mil e, em 2017, de 57.960. Em Brasília, o número estimado é de 840. Segundo o Ministério da Saúde, esta é quarta causa de morte por câncer entre homens no país e corresponde a 6% do total de óbitos deste público.

Deixe sua resposta